Toxina botulínica passa a ser proibida para jovens no Reino Unido

Sei que você, como profissional da Farmácia Estética, deve ter ficado alarmado com a notícia e se perguntado se isso pode te afetar de alguma forma. Relaxe, o impedimento está apenas no país europeu e tem seu foco em uma determinada parcela da população.  Menores de 18 anos estão proibidos de realizarem a aplicação de […]
toxina botulinica

Sei que você, como profissional da Farmácia Estética, deve ter ficado alarmado com a notícia e se perguntado se isso pode te afetar de alguma forma. Relaxe, o impedimento está apenas no país europeu e tem seu foco em uma determinada parcela da população. 

Menores de 18 anos estão proibidos de realizarem a aplicação de toxina botulínica e outros preenchimentos no Reino Unido. 

A legislação britânica

De acordo com a Lei da Toxina Botulínica e dos Preenchimentos Cosméticos, “pessoas com menos de 18 anos não poderão receber preenchimentos dérmicos ou injeções de toxina botulínica”. 

A decisão do país europeu se deu com base na lei que entrou em vigor no último mês de outubro, após o governo local notar a alta procura desses procedimentos por adolescentes. Ainda de acordo com o governo britânico, mais de 41 mil atendimentos em clínicas estéticas foram realizados em jovens dessa faixa etária, durante o ano de 2020.

As exceções 

Com a legislação em vigência, passa a ser proibido administrar substâncias de preenchimento em menores de idade. Desse modo, os adolescentes só poderão realizar o procedimento se tiverem autorização médica evitando, assim, que menores de 18 anos busquem pelos procedimentos sem que haja necessidade. 

Procedimentos sem higiene ou segurança

De acordo com o governo britânico, essas medidas foram adotadas tendo em vista que o segmento de cosméticos não cirúrgicos é “altamente desregulamentado no Reino Unido”, de modo que esses procedimentos muitas vezes não são realizados por profissionais da área e são executados nas “festas de botox”, como são conhecidas localmente. 

Ainda avaliando o cenário do país, o governo britânico averiguou que os jovens passavam por tratamentos estéticos pelas mãos de pessoas não-treinadas e em ambientes anti-higiênicos e, por consequência, acabavam colocando sua vida e saúde em risco. 

E aí? O que achou da situação? O governo acertou ao colocar a lei em vigor? Conta pra gente nos comentários qual é a sua opinião sobre o assunto! 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2010-. Portal da Farmácia Estética.