Farmacêuticos estetas estão cada vez mais investindo no procedimento

Um dos procedimentos que os farmacêuticos estetas podem realizar em suas clínicas é o de microvasos, também conhecido como PEIM (Procedimento Estético Injetável em Microvasos).

Esse procedimento é para tratar aqueles vasinhos, que geralmente enchem as pernas das mulheres e são o terror de todas nós, não é mesmo?

Como funciona essa técnica?

A técnica consiste em aplicar uma substância esclerosante no interior do microvaso para que as paredes do mesmo se fechem, impedindo o fluxo sanguíneo através dele. O vasinho é reabsorvido pelo organismo alguns dias após a aplicação e não fica mais visível.

A substância utilizada tanto nos cursos de capacitação, quanto nas clínicas de estética é a Glicose 75% e não causa nenhuma alergia ou reação nos pacientes, já que é uma substância que está naturalmente presente em nosso organismo.

Desde que o farmacêutico seja devidamente habilitado em saúde estética e possua cursos de capacitação no procedimento, ele é considerado seguro e eficaz para resolver esse problema que prejudica a autoestima das mulheres.

Além, é claro de ser muito rentável para os profissionais que estão atuando no mercado, pois têm procura pelo tratamento de microvasos o ano inteiro, principalmente no verão, quando as mulheres querem frequentar mais as piscinas e praias.

O que vou aprender sobre o procedimento de microvasos?

Durante as aulas do curso de microvasos, os profissionais aprendem a realizar todo o procedimento na prática, além dos sete passos para a realização do procedimento que são:

  1. Tempo de duração do procedimento, que varia de 30 minutos a uma hora;
  2. Número de sessões necessárias, geralmente variam de três a cinco, de acordo com o número de microvasos na área tratada;
  3. Intervalo entre as sessões, que costuma ser de 20 dias;
  4. Assepsia da região tratada;
  5. A aplicação é minimamente invasiva e feita através da injeção no interior do microvaso com agulha muito fina de pequena quantidade da solução de glicose 75% e licocaína 0,2%;
  6. Nos pontos de aplicação pode ocorrer um leve inchaço e irritação que some em algumas horas após o procedimento;
  7. Ocasionalmente pode acontecer formação de hematoma “roxo” em algum ponto de aplicação, no entanto, some em cerca de 5 dias;

Resultados e duração dos tratamentos

Os microvasos tratados somem geralmente 20 dias após a 1ª aplicação e os residuais que ainda permanecerem após a 1ª sessão poderão ser tratados em sessões posteriores.

Vale lembrar que, os microvasos tratados não reaparecem, no entanto, novos microvasos poderão surgir ao longo dos anos conforme a predisposição de cada indivíduo à formação dos mesmos. Por isso, sessões de manutenção poderão ser feitas sempre que necessário.

E aí, gostou da matéria? Se você ainda não tem segurança na aplicação do procedimento, esse é o momento certo para ingressar em um curso de microvasos e se capacitar para atender seus clientes!

Clique no banner abaixo e saiba mais sobre o curso

Microvasos

Deixe aqui seu Comentário

1 COMENTÁRIO

DEIXE SEU COMENTÁRIO

Por favor insira seu comentário!
Please enter your name here

Loading Facebook Comments ...
Somos apaixonados pelo que fazemos e fazemos tudo por amor. Nosso compromisso é apenas com a verdade e com o que acreditamos e defendemos – a biomedicina estética é legítima, um direito do biomédico, do biomédico esteta, do graduando em biomedicina e, principalmente, de toda a sociedade beneficiada com as informações aqui divulgadas e como caminho de beleza e elevação da auto-estima.