O poder dos ácidos na renovação da pele

Muito mais que apenas um componente, os ácidos estão fazendo a cabeça de homens e mulheres que buscam beleza e uma pele saudável. Mantido em segredo por muito tempo, hoje os ácidos são, definitivamente, os melhores cosméticos para rejuvenescer e melhorar a qualidade da pele. Eles são ativos versáteis e um dos mais utilizados pelos […]
ácidos-renovação

Muito mais que apenas um componente, os ácidos estão fazendo a cabeça de homens e mulheres que buscam beleza e uma pele saudável.

Mantido em segredo por muito tempo, hoje os ácidos são, definitivamente, os melhores cosméticos para rejuvenescer e melhorar a qualidade da pele.

Eles são ativos versáteis e um dos mais utilizados pelos dermatos no manual da cútis lisinha. Além disso, possuem o poder de renovar, tratar manchas e rugas, proporcionando hidratação intensa e brilho saudável.

Ao remover as células mortas da superfície, os ácidos também abrem caminho para que outros ingredientes façam seu trabalho. Ou seja, em sua essência, eles ajudam outros produtos a terem um melhor desempenho.

Neste post, vamos destacar os alfa hidroxiácidos (AHAs), beta hidroxiácidos (BHAs), polihidroxiácidos (PHAs) e ácido hialurônico (HA).

Com qual frequência devo aplicar ácidos?

Independentemente de qual fórmula que você queira aplicar, a melhor maneira de introduzi-los é gradualmente, começando uma ou duas vezes por semana. Isso porque eles removem a camada superior da pele e o local pode ficar mais sensível aos raios UV.

Para uma reforma geral, use os AHAs

A maioria dos alfa hidroxiácidos, naturalmente derivados frutas, é muito mais suave, ou seja, são ótimos para peles sensíveis Eles também têm um bônus adicional quando usados ​​regularmente. Isso por incentivar criação de colágeno novo. O ácido glicólico tem o menor tamanho de molécula de todos, mas garante o melhor retorno para sua pele e, financeiramente falando, para o seu bolso. Já os AHAs mais leves com moléculas maiores, como o ácido láctico e o ácido málico, são indicados para tipos super-sensíveis, e frequentemente usados ​​para arredondar as formulações glicólicas mais fracas

Para combater a acne, aposte no BHA

Há apenas um beta-hidroxiácido: o ácido salicílico. Ele é um anti-inflamatório ótimo para tratar espinhas e pode ser usado sozinho ou combinado com AHAs. Os PHAs também são hidratantes, o que os torna uma grande aposta para qualquer pessoa com pele seca.

Ácido hialurônico é indicado para hidratação extra

Diferente dos outros, o ácido hialurônico não retira as células mortas da pele. Em vez disso, o HA possui propriedades hidratantes e iluminadoras. A capacidade desse ácido armazena 1.000 vezes seu peso em água, atrair H2O para a pele e mantem ali como um imã, é o que o torna um ingrediente popular e necessário para soros e hidratantes.

Os ácidos são incríveis, não é mesmo? Para quem se preocupa com a pele, é um excelente componente e que pode ser integrado aos tratamentos estéticos de todos.

E você, gostou desse artigo? O que acha da utilização de ácidos? Deixe seu comentário para sabermos a sua opinião!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2012-2021. Portal da Farmácia Estética.