Pomada de urucum acelera cura de lesões na pele; saiba mais

Farmacêutico, essa pesquisa tem tudo a ver com sua área. Leia abaixo o texto divulgado pelo Site Hoje em Dia, sobre a pesquisa de mineiros que transformaram o urucum, um corante natural, em uma pomada capaz de ajudar no tratamento de lesões na pele. Logo o produto poderá ser encontrado em estabelecimentos comerciais. Para você […]

Farmacêutico, essa pesquisa tem tudo a ver com sua área. Leia abaixo o texto divulgado pelo Site Hoje em Dia, sobre a pesquisa de mineiros que transformaram o urucum, um corante natural, em uma pomada capaz de ajudar no tratamento de lesões na pele. Logo o produto poderá ser encontrado em estabelecimentos comerciais. Para você que está sempre ligado em novos cosméticos e produtos para tratamento da pele, não pode perder a leitura desse conteúdo!

[restrict]

Após exatos 17 anos de trabalho, grupo de pesquisadores mineiros de Viçosa, na Zona da Mata, desenvolveu pomada fitoterápica à base da semente do fruto. O medicamento é capaz de reduzir o tempo de cicatrização e custa menos que outros produtos indicados para lesões dermatológicas. Atualmente, pode ser comprado pela internet, mas, em breve, está nas prateleiras dos estabelecimentos comerciais.

Descoberta da Pomada Fitoterápica

O pesquisador Aloísio José dos Reis conta que em 1999, ao manipular o urucum com as mãos machucadas, percebeu o efeito cicatrizante. “As lesões melhoraram de forma muito rápida”, diz. Porém, só em 2006 foi criada a firma Profitus, vinculada à Incubadora de Empresas de Base Tecnológica da Universidade Federal de Viçosa (UFV). Aloísio e o professor da UFV Paulo César Stringheta utilizaram uma fração das sementes para obter o remédio natural. A dupla desenvolveu tecnologia própria capaz de retirar o extrato do fruto de forma mais eficiente e a baixo custo.

As primeiras aplicações, conta Aloísio Reis, foram feitas em coelhos e ratos. Três marcas de pomadas cicatrizantes existentes no mercado foram utilizadas e os resultados comparados antes dos testes em humanos. Os pesquisadores garantem que não há contraindicação.

“O diferencial é que os produtos são feitos com extratos naturais. Não são fármacos, mas sim dermocosméticos. Por ser um produto com princípios ativos de origem natural, não apresenta qualquer contraindicação no uso em lesões dermatológicas e para a melhoria da proteção da pele”, afirma Paulo Stringheta.

Segundo ele, os trabalhos foram feitos no laboratório de Corantes Naturais e Compostos Bioativos da UFV e serviram como pano de fundo para teses de doutorado, dissertações de mestrado, artigos, e um livro sobre o urucum e suas aplicações.

“Houve envolvimento de profissionais de diferentes áreas, como bioquímicos, farmacêuticos, engenheiros de alimentos e químicos. Uma equipe interdisciplinar”, acrescenta.

Eficácia no tratamento de ‘pé diabético’ é diferencial

Conforme os resultados obtidos em laboratório, os pesquisadores perceberam que a concentração do extrato do urucum poderia variar, possibilitando o tratamento de várias lesões dermatológicas. Quatro tipos de pomadas foram criadas após os experimentos.

Uma delas é indicada para o tratamento de escaras, feridas desenvolvidas em pacientes que ficam deitados ou sentados por muito tempo, como cadeirantes. Outra é ideal para queimaduras de primeiro grau. “Além de cicatrizar, traz outros benefícios. No caso das queimaduras, a pomada acaba com o ardor em cerca de dez minutos”, assegura Aloísio Reis.

O professor Paulo Stringheta também lembra a eficácia do produto em pessoas que sofrem com diabetes. Para os portadores da doença, uma das complicações mais comuns é o chamado pé diabético, que causa desde feridas crônicas e infecções até amputações dos membros inferiores.

Segundo ele, algumas pessoas que desenvolveram ferimentos do tipo estavam “há anos” utilizando medicamentos convencionais e não percebiam melhora. “Com a pomada de urucum, os resultados foram imediatos”, diz.

Onde achar a Profitus

Na internet (profitus.com.br), a pomada de 30 gramas é vendida por R$ 47. O valor é até 40% mais barato se comparado a remédios receitados para lesões na pele. Dez mil unidades do produto foram disponibilizadas no primeiro lote. O segundo contará com 50 mil.

A empresa responsável informou que os diretores estão em negociação com farmácias e representantes comerciais. Em estabelecimentos de Viçosa já pode ser encontrada. A expectativa é a de que, em breve, esteja disponível em lojas de todo o país.

Comprovada a eficácia da pomada à base de urucum, os pesquisadores trabalham agora em testes para viabilizar o licenciamento de novos produtos para o tratamento de herpes, afta, acne, furúnculo e micoses.

Fonte: Hoje em Dia

[/restrict]

Crédito da imagem: Daniel Sotto Maior/CCS-UFV

banner-pos-farmacia

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

© Copyright 2012-2021. Portal da Farmácia Estética.